Categoria: Depoimentos

Como gerir serviços consultivos em um escritório de advocacia?

Advogado Vitor Hugo Cenci dá dicas de como gerir serviços consultivos em um escritório de Advocacia
Advogado Vitor Hugo Cenci dá dicas de como gerir serviços consultivos em um escritório de Advocacia

Entrevista com Vitor Hugo Cenci, do escritório Guimarães e Santiago

Para quem resolveu fazer parte de um escritório de advocacia ou ter o próprio escritório, o começo, bem como a manutenção do negócio, pode parecer um desafio e tanto. Algumas dicas são fundamentais para garantir uma boa gestão, assim como o crescimento do seu empreendimento – afinal, você é advogado e também empreendedor. Conversamos com o advogado Vitor Hugo Cenci, do escritório de advocacia Guimarães e Santiago, em Florianópolis, e separamos algumas informações que podem ser bastante úteis para gerir o negócio.

VIOS – Como o ocorre o contato com clientes para apresentação dos serviços?

Vitor – Na advocacia a relação com o cliente é baseada na confiança; então no contato com o cliente é necessário demonstrar o conhecimento sobre o problema que ele enfrenta, a experiência do profissional naquele assunto e convencê-lo que a solução proposta irá resolver o problema da melhor maneira viável.

VIOS – E como acontece a precificação destes serviços?

Vitor – Nas atividades de consultoria muitas vezes o cliente ainda não tem um problema concreto para poder mensurar seu potencial risco/prejuízo, deste modo o escritório precisa trabalhar com uma estimativa de horas de dedicação ao cliente. Buscamos estimar e oferecer um pacote específico de serviços por período de até seis meses, no qual também conseguimos conhecer melhor o cliente e identificar seus potenciais riscos; após este período podemos, cliente e escritório, melhor identificar os benefícios e dedicação para então iniciar uma relação mais longa.

VIOS – Na sua opinião serviços de consultoria ajudam a reduzir o contencioso de empresas?

Vitor – Nossa experiência é que a consultoria reduz consideravelmente os litígios das empresas, especialmente no aspecto trabalhista, dando mais segurança para os empresários se dedicarem aos produtos/serviços da empresa.

VIOS – No caso do escritório Guimarães e Santiago, como ocorre a demonstração de serviços realizados para clientes e a prestação dessas contas?

Vítor – Precisa fazer parte da rotina do escritório a constante comunicação com o cliente para demonstrar os serviços realizados, o que exige a utilização de uma ferramenta de gestão dos processos e consultas ágil e fácil, permitido o registro de todas as atividades, tempo de dedicação e valores de potenciais riscos/prejuízos gerenciados pelo escritório.

VIOS – E quando nos referimos aos serviços consultivos, como funciona o relacionamento com clientes?

Vitor – Confiança é a base do serviço jurídico, por esta razão o escritório precisa ser transparente e claro com as informações do cliente, dedicando profissionais competentes e qualificados para atendê-lo.

VIOS – Podemos notar que o escritório presta um serviço em que os profissionais passam algumas horas semanais na empresa dos clientes. Qual a necessidade e diferencial desse serviço?

Vitor – Percebemos que esta presença reforça a relação de confiança e nos permite prestar um serviço mais personalizado ao cliente, o qual percebe mais claramente o valor agregado da consultoria.

Acompanhe semanalmente a atualização dos posts e esteja por dentro dessa e outras entrevistas e assuntos relacionados ao universo da advocacia.