5 tendências na gestão e organização de escritórios de advocacia

5 tendências na gestão e organização de escritórios de advocacia

gestão escritório de advocacia

O segmento jurídico está cada mais competitivo e diante do aumento na concorrência com profissionais mais qualificados há uma maior necessidade de buscar formas de tornar o trabalho diferenciado para atrair e fidelizar clientes. Para ajudar nesta tarefa, reunimos 5 tendências que não estão listadas em ordem de importância, mas, como você poderá notar, estão interligadas. Colocá-las em prática certamente trará resultados positivos para o escritório. Confira.

Tendência 1 – Buscar mais eficiência com trabalho integrado

Os setores do escritório precisam trabalhar de forma mais integrada. As ações de um setor refletem no outro e por isso é preciso criar rotinas para a troca de informações com o objetivo de ganhar agilidade, controle e eficiência.

Atuando de forma integrada, evita-se o retrabalho, a perda de prazos e a duplicidade de dados, o que também torna o pacote de serviços oferecidos pelo escritório muito mais competitivo. A melhor forma de integrar os setores do escritório de advocacia é por meio de um software jurídico que possibilidade a gestão de todas as etapas de um processo e atendimento do cliente, incluindo as tarefas relacionados ao departamento financeiro.

Tendência 2 – Desenvolver competências para aproveitar novas oportunidades

O campo de atuação dos profissionais do setor jurídico é amplo, mas sempre é possível identificar nichos de atuação que possam se tornar ótimas oportunidades para o escritório. Por isso, junto com a observação do mercado para buscar estas oportunidades, é importante também procurar desenvolver as competências necessárias para tirar o melhor proveito delas.

Não bastar querer oferecer um novo serviço. É preciso estar muito bem preparado tanto na capacitação quanto na gestão. Por exemplo, para atender grandes volumes, o escritório deve refinar o controle de prazos. Trabalhar com contencioso de massa é um bom negócio, mas sem uma equipe preparada, treinada e uma rotina de controle de processos bem afinada, nada certo. Perde-se uma oportunidade e a imagem do escritório pode sair arranhada por conta de uma má gestão.

Tendência 3 – Buscar formas de qualificar cada vez mais a equipe

O escritório deve investir em capacitação para que todos os seus profissionais dominem os processos de controle de gestão. Improvisos e amadorismo não tem mais espaço ainda mais quando se pensa em investimentos em controle com o uso de softwares jurídicos e na oferta de novos serviços.

Como destacado nas tendências acima, o trabalho precisa ser cada mais integrado e mais especializado. Os profissionais precisam conhecer toda a rotina do escritório, independentemente de quais funções desempenham. Junto com isso, devem ter as habilidades necessárias não apenas para executar suas tarefas, mas para executá-las com maior eficiência. O escritório deve manter uma rotina de atualização e aprimoramento da equipe a fim de manter o trabalho sempre competitivo.

Tendência 4 – Usar uma comunicação mais eficiente para fidelizar os clientes

Conquistar clientes em ambientes competitivos, como é o jurídico, não é tarefa fácil. Por isso que é fidelizar clientes, com contratos mais duradouros, tornar uma tarefa fundamental na atual conjuntura. A melhor forma de fidelizar é fazer um atendimento de qualidade, sem falhas e com resultado.

Mas é fundamental que o escritório estabeleça uma boa comunicação com seus clientes. Isso é possível se estabelecendo uma rotina de controle e formatação de informações relevantes sobre os processos, a partir do uso de um sistema integrado que permite reunir os dados e enviá-los para o cliente. Mantê-lo informado demonstra preocupação e interesse do escritório pela causa dele. E isso é ponto importante quando envolve questões jurídicas.

Tendência 5 – Ter maior controle da gestão com uso de software integrado

O uso de sistemas integrados vem fazendo a diferença em um mercado cada vez mais competitivo e não se admite mais um escritório sem um software que torne a gestão mais profissional e o processo mais organizado. O tempo do papelzinho já passou. Mas é importante buscar o apoio de profissionais especializados que possam ajudar na tarefa de escolher o melhor sistema para atender as demandas do escritório.

Lembre-se que o software deve integrar os setores e as etapas dos processos, como faz o Vios Jurídico. É essa característica que permitirá um maior controle da gestão como um todo e assim obter um melhor desempenho em termos de produtividade e resultados financeiros.

Leituras relacionadas

4 benefícios do uso de sistemas integrados para gestão de escritórios jurídicos 

Contencioso de massa: “Grande diferencial do VIOS Jurídico é fluxo de trabalho claro e operações muito intuitivas”

Contencioso de massa: 5 habilidades da equipe para oferecer um serviço de resultados 

Fidelização de clientes: como fidelizar usando software jurídico

Ferramentas de gestão: como melhorar o trabalho dos escritórios de advocacia 


Quer saber como o Vios Jurídico pode ajudar na gestão do escritório de advocacia?

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *